MB Review – Happiness

Hoje o review é por conta de nossa nova integrante, a Frann ( que também cuidará do nosso  Discord e você pode encontrá-la no nosso grupo de Facebook). Como ela ainda estava com vergonha ela pediu para postar sua primeira resenha conosco! Seja bem vinda!

Oshimi,

Happiness começou a ser publicada no Japão em 2015 pela revista Bessatsu Shonen Magazine e possui 7 volumes até agora.

Pensar em falar sobre Happiness foi algo complicado, pois pensando nele, pensamos em Oshimi Shuzo, autor de mangás como Flowers of Evil (Aku no Hana), Boku wa Mari no Naka, Chi no Wadachi entre outros.

Esse autor que me inspira, pelo fato de que em todas suas obras ele sempre tratou de assuntos relacionados a psicologia humana e a fantasia, e suas consequências. O que é real e o que não é. Traumas na pré-adolescência com enredos e personagens que sofrem bullying e julgamentos não só de “amigos” mas da família e como todos esses fatores levam o personagem a descoberta não só do mundo, mas de si mesmo, tendo o vislumbre de que ele é ALGUÉM, e que o mundo não é seguro e feliz como sempre sonhamos.

Happiness trata-se exatamente disso, uma criança pré-adolescente Okazaki Makoto, o qual é capacho dos valentões da sala de aula só para ajudar um amigo, o filho caçula que tem um irmão mais velho que é o “prodígio” dos pais. Ao mesmo tempo Oshimi Shuzo nos mostra o lado que mencionei, a descoberta do indivíduo com pequenos desejos, Makoto já está com idade de ter desejos e descobrir sobre seu corpo e crescer. Em uma certa noite, indo devolver um “misterioso” DVD ele é atacado por uma garota misteriosa, que irá mudar totalmente o seu mundo  e mostrar para ele o lado duro da vida, mostrar a ele que todas os problemas que passou não foi nada pelo que está por vir. Makoto tem uma escolha o qual nossa misteriosa garota lhe dá, “Você quer… morrer assim? Ou… ser como eu? ” Assim, Makoto acorda do que parecia um pesadelo, assustado e com sede. Sua família agustiada e ele perdido. O que está por vir na vida de nosso protagonista?

Não quis me aprofundar sobre essa resenha de Happiness, pois o mangá começou a ser publicado pela Editora New Pop em julho de 2018 e o 2º volume está para ser publicado agora em agosto.

Recomendo a compra do mangá, pois essa história tende a descobertas e analise sobre como a vida é e onde pode nos levar. Sobre fantasia e sobre a humanidade, sobre egoísmo e sobre inocência.

Desejo uma boa leitura e espero que gostem de Happiness e pelas obras de Oshimi Shuzo, pois se não leram, também recomendo.

Kissus..

Frann.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.