MB Review: Wotakoi #01

Wotakoi – O amor é difícil para otakus foi o mangá lançamento da Editora Panini em fevereiro de 2019. Publicado pela Editora Ichijinsha no Japão, o mangá Wotaku ni Koi wa Muzukashii, de Fujita, possui atualmente 6 volumes compilados desde que começou sua publicação em 2014.
Sinopse: O título apresenta Narumi Momose, personagem que esconde do namorado seu gosto por histórias yaoi e, quando ele descobre, acaba terminando o relacionamento com ela. Narumi tenta mudar sua vida após o término do namoro e arruma um novo emprego. No local, ela acaba encontrando seu amigo de infância Hirotaka Nifuji, um viciado em vídeo-games que por pouco não revela o segredo de sua amiga para todos.

Então Narumi decide sugerir um plano para ele nunca mais falar sobre o assunto, mas não contava com uma contraproposta: Hirotaka sugere que eles comecem a namorar. Obcecados por seus interesses pessoais, será que eles conseguirão manter um relacionamento?
Wotakoi foi um sopro de vida no mercado brasileiro de mangás, pois fazia tempo que não tínhamos um título josei com vários volumes publicados aqui. E o mangá veio em boa hora, pois ganhou recentemente uma animação, e também ganhará um live-action sobre a história.
O mangá segue um padrão semelhante ao 4-koma, já que ele foi inicialmente publicado na internet, em vez das tradicionais revistas de mangás. Assim, cada página apresenta uma narrativa fechada, com títulos no rodapé da página. Caso a narrativa não se feche na página, temos uma seta indicando ao leitor continuar a leitura na página seguinte (como se fosse necessário, você não consegue parar de ler o mangá). Sendo assim, o volume de Wotakoi acaba sendo mais enxuto do que estamos acostumados no Brasil, em que o volume contêm somente 128 páginas.

O mangá já possui alguns prêmios, como a nomeação pela revista Kono Manga ga Sugoi! de 2016, como o título mais lido entre o público feminino; assim como o mangá foi destaque no ranking da revista Da Vinci, na décima sexta lista do “Livro do Ano“. A série também foi indicada ao Kodansha Manga Awards em 2017.

A história de Wotakoi já teve mais de 4,2 milhões de cópias impressas no mundo todo, e já está disponível nas bancas, livrarias, comic shops e na loja online da Panini, acompanhada de um cartão-postal colecionável. O mangá possui formato 13,7x20cm, contendo 8 páginas coloridas. A capa é de papel cartão, com miolo em offwhite, no perço de R$16,90.

Wotakoi é um dos títulos que eu possuo a versão francesa, então adicionarei fotos das duas edições lado a lado. Otaku Otaku (título francês) é publicado pela Editora Kana, no selo Big Kana (formato um pouco maior que o tradicional deles), e ainda assim, a edição brasileira é maior do que a francesa. A edição francesa possui uma luva identica à nossa capa, e a capa deles é cinza, somente com o título. Como luvas estragam facilmente, eu tenho a preferência pelo nosso estilo de publicação.

Exemplar cedido gentilmente pela Editora Panini.

Fonte: Chuva de Nanquim

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.