MB Review: Beastars #01

Beastars é um dos novos títulos da editora Panini em 2019. Publicado desde 2016 na Shuukan Shounen Champion, possui até o momento 13 volumes publicados. De autoria de Pagu Itagaki, Beastars conta uma história de um mundo de animais antropomórficos, em que carnívoros e herbívoros vivem juntos, compartilhando suas esperanças, paixões e seus receios. Nesse mundo, conhecemos Legoshi, um lobo-cinzento integrante do grupo de teatro da escola Cherryton.

Nessa escola, Tem, uma alpaca, morreu, possivelmente atacado por um dos carnívoros da escola, e assim somos apresentados à primeira grande trama do mangá, que é a relação entre os carnívoros e os herbívoros nesse mundo e a convivência entre eles. Tanto Tem como Legoshi participam do grupo de teatro da escola, e sendo amigos, todos tinham dúvidas se seria Legoshi quem atacou Tem.

Além disso, temos algumas outras tramas que vão se conectando, como a peça de teatro da escola, em que há a necessidade de substituir o Tem. Para isso, Louis, o ator principal do clube e protagonista da peça precisa ensinar o substituto. Louis, o cervo-vermelho, almeja ser o próximo “Beastar”, um líder máximo que influencia os rumos do mundo.

Em um desses treinamentos de Louis com o substituto de Tem, Legoshi fica de guarda, e seguindo seus instintos, quase ataca uma coelhinha, que gera uma nova trama para acompanharmos nos próximos volumes.

Interessante que a autora sempre inclui informações sobre o mundo criado. Por exemplo como são feitas as refeições dos dois grupos de animais, assim como eles se comportam na escola, em que animais maiores acabam carregando animais menores quando esses precisam ir para lugares distantes.

Beastars já ganhou vários prêmios, como o 11° Mangá taishou Award e o 22° Tezuka Osamu New Creator Prize, então foi uma boa notícia saber que ele ia ser publicado no Brasil.
A edição da Panini está bonita. Não notei nenhum erro de português, e a impressão está bem limpa. Possui 14,7 x 21 cm, capa cartão com laminação fosca, verniz localizado, orelhas, e um miolo em offwhite. O preço cobrado é de R$ 26,90. Como o título é bimestral e esse volume pertence ao checklist de Março de 2019, o próximo volume já deve estar chegando às bancas.

UPDATE: Esqueci de comentar que Beastars receberá uma animação que também será lançada para Netflix, então fiquem de olho!

Fontes: MangaUpdates

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.