MB Review: Bakemonogatari #1

Bakemonogatari é um mangá lançado no Brasil pela Editora Panini. O mangá é uma adaptação das novels Monogatari, de Nisioisin, com arte de Oh!Great e Character Design de VOFAN. No Brasil, o mangá está em publicação com 7 volumes de 10 já publicados no Japão, com a série ainda em publicação.
Sinopse:Bakemonogatari segue a história de Koyomi Araragi, um estudante do terceiro ano do ensino médio que é um “quase-humano” após ter brevemente se tornado um vampiro. Um dia, uma colega de classe chamada Hitagi Senjougahara, que nunca fala com ninguém, cai das escadarias da escola direto nos braços de Koyomi. Ele então descobre que ela pesa quase nada, desafiando as leis da física. Mesmo sendo ameaçado por ela e avisado para que ficasse longe e esquecesse o que presenciou, Koyomi oferece ajuda e a apresenta a Meme Oshino, um estranho homem de meia idade que vive num prédio abandonado, que a pode ajudar.

O mangá começa filosofando que monstros sempre estiveram entre nós, que eles não surgem de repente. Esse é o pano de fundo de Bakemonogatari. Somos apresentados às duas personagens principais desse volume: Koyomi Araragi e Hitagi Senjougahara. Koyomi descobriu um segredo da bela e efêmera Senjougahara, e a acompanha até Meme Oshino, alguém que poderia ajuda-lá.
Senjougahara não possui peso, devido ao encontro dela com um Caranguejo do Peso, e isso tem destroçado sua vida há dois anos. Araragi também já se deparou com um monstro, no caso dele foi a duas semanas, quando se encontrou com um vampiro, e foi o mesmo Oshino que o ajudou, assim como ajudou uma colega de classe dele, Hanekawa (que só teremos mais informações nos próximos volumes).
Mas o Caranguejo do Peso não foi o único monstro enfrentado pela Senjougahara, e ela vai ter de enfrentar seus sentimentos para ter seu peso de volta.
A história de Bakemonogatari é um tanto confusa no começo, apresentando vários flashbacks para contar a história das personagens. Creio que na mídia original, a Novel, a maior parte das informações estariam no livro, e não divididos em vários volumes do mangá. O universe de Monogatari é vasto, possuindo atualmente 27 volumes nas novels. A arte do mangá não precisa comentar, feita pelo Oh!Great (Air Gear e Tenjou Tenge, ambos publicados no Brasil pela Panini e JBC, respectivamente), é bem limpa, detalhada, com belas páginas duplas.

Bakemonogatari é publicado bimestralmente pela Panini, em formato 13,7 x 20 cm, com capa cartão e papel offwhite pelo preço de R$22,90. No primeiro volume tivemos um marcador da série de brinde.

Volume cedido gentilmente pela Editora Panini.
Fontes: FilmowLoja PaniniMangaUpdates

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.