MB Literário: Akatsuki Hiden

Naruto foi um mangá grande. Durante toda sua serialização, que gira em torno de mais ou menos 700 capítulos, Masashi Kishimoto conseguiu estabelecer de forma bem sucedida o universo proposto. Claro que tudo isso na medida do possível, uma vez que falamos de um shōnen publicado na maior revista de quadrinhos semanais especializada no assunto.

Em determinados pontos da obra a imersão é difícil. Até mesmo a aproximação do leitor com determinados personagens e elementos narrativos é comum que fique confuso, mas mesmo assim, a trama alavancou diversos fãs no ocidente. Não é difícil ver jovens, crianças e adultos aficionados pela obra. Porém, alguns pontos ainda merecem atenção especial e é aí que as novels e outros derivados entram em cena.

Uma parte em especial sempre me chamou atenção, a Akatsuki. Principal grupo antagonista em determinado ponto da obra, continha membros de difícil compreensão. Fica um pouco mais fácil de entender e completa sua história com a novel recém lançada pela Panini aqui no Brasil, História Secreta da Akatsuki: O Desabrochar das Flores Malignas, escrita por Shin Towada e com arte de Masashi Kishimoto. A trama contém contos sobre a Akatsuki. São aventuras que envolvem membros como Itachi Uchiha, Kisame Hoshigaki, Kakuzu, Hidan, Deidara, Sasori e Konan.

A narrativa dos contos concentra-se em algo mais introspectivo aos personagens. Existem momentos de ações. Entretanto, em cada conto o leitor se vê descobrindo a persona dos vilões. Tudo é mantido de forma coesa, o que enriquece ainda mais a leitura.

Aqui não há uma amarra moral para tentar convencer o leitor sobre o porquê tal personagem é mau ou desprezível. Não tenta justificar ações, respeitando muito a história original.

A História Secreta da Akatsuki: O Desabrochar das Flores Malignas é uma das minhas novelas favoritas de Naruto. Temos uma ambientação bem melhor e podemos conhecer o lado mais pessoal de cada antagonista da série principal. Encontramos alguns momentos tristes, divertidos e até reflexivos, sendo um ótimo material de apoio para quem deseja ter um conhecimento maior sobre aqueles que mataram, roubaram e queimaram pelo seu próprio bem, pelo de entes queridos, por dinheiro, pela flor que nasce da esperança etc.

Afinal, essa é a história daqueles que foram um dia chamados de demônios. A história que iluminou o alvorecer da nova era ninja.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.