MB Review: O Regresso de Jaspion – Uma viagem a nostalgia?

JBC Mangás

Revisão: Caio Coelho.

Um Novo frescor para o herói, um possível novo universo compartilhado para os fãs ! 

Jaspion é um Herói atemporal. basta voltar no tempo e ver como ele virou febre na virada dos anos 80/90, fazendo pessoas da minha geração correr do colégio para assisti-lo. 

Vindo um pouco mais para nosso tempo, vemos o frenesi que a Reprise do Jaspion causou, voltando à TV pelas mãos da Band e do Mundo Animado, emocionando fãs nostálgicos e conquistando novos fãs!

Sim, de alguma forma nesses meses que passaram as reprises, a base de fãs começou a se renovar, e o mangá do Jaspion, O Regresso do Jaspion, da JBC /JB Studios / Sato Co., traz não só um novo frescor ao herói, mas abre uma série de possibilidades para o futuro do herói nos mangás, e oportunidades de cruzar o caminho com outros heróis da Toei Company, no nosso mangá Brazuca! 

Para quem já assistiu a série, e sem desmerecer o personagem que aqui no Brasil é o mais importante pro Tokusatsu, para o Mercado, e pela abertura que trouxe nos anos 80/90, fazendo uma análise minuciosa, o roteiro do programa de TV é uma grande colcha de retalhos, com ideias boas e ruins costuradas – coisa que não acontece nesse Mangá -, muito pelo contrário: Depois da HQ do Tokusatsu Brasileiro TimerMan, do criador Fabiano Ferreira e da Editora Kimera, O Regresso de Jaspion foi o melhor gibi que li em 2020!

Temos uma continuação da série do Jaspion, canônica, mostrando o que aconteceu com o nosso Campeão da Justiça e com a Terra!

Jaspion, Anri, Mya e o Tarzan Galáctico voltam para o Planeta Edin, e Jaspion vai criar o bebê irradiado pela luz, e viver novas aventuras, enquanto o Japão mergulha numa crise política e social, mas principalmente logística, financeira e de falta de liderança, falta de esperança por conta da destruição, anos antes, que Jaspion e Satan Goss deixaram pra trás na sua última batalha! 

Com o Japão perdendo o norte, o país cai numa crise sem precedentes após a partida do seu herói!

Anos depois, na Terra, acontece algo extremamente perigoso para todo o Universo: há um movimento religioso e controlador de massa por parte da Kilmaza, recém vinda do inferno, que tenta reunir as energias negativas da população mundial (leia-se população japonesa), para tentar trazer de volta não só Satan Goss, mas seu maléfico filho, MacGaren! 

Jaspion descobre, por intermédio de uma profecia, e também por causa da Terra hostil que ele encontra aqui ao regressar, que ele foi colocado como verdadeiro vilão do Mundo, alimentando o ódio nas pessoas. Descobre também que foi traído pelo seu melhor amigo de tempo das aventuras da época da série, e que ele terá que lutar contra mesmo estando fragilizado, ferido e sem seu arsenal e poder, para evitar a volta de Satan Goss e a escalada definitiva do Império dos Monstros!

Com vários fãs services, menções a heróis, da Toei e sem ser da Toei, com amigos e inimigos clássicos da série, O Regresso do Jaspion traz um novo frescor ao Campeão da Justiça, numa história que te pega do início ao fim, graças ao Fábio Yabu nos Roteiros, Michel Borges nas ilustrações e o clássico e lendário Marcelo Del Greco na Edição desse espetacular mangá! 

O Regresso do Jaspion ainda encerra o seu volume com uma homenagem ao nossos heróis japoneses da infância e uma possibilidade de uma trilogia!

Já pensou o Jaspion entrando para os Detetives Espaciais? Ou ajudando os grupos especiais de resgate, ou até mesmo dando uma forcinha pra Patrine? Se deixarem, nada é impossível! 

Nota: 10/10

Juabas – Canal Retro Juabas!

Facebook do Canal: RetroJuabas Instagram do Canal: @retrojuabas
Twitter: @RetroJuabas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *