Primeiras Impressões: Spy x Family

Estreou recentemente na Crunchyroll um dos animes mais esperados por esse que vos escreve, Spy x Family. Com autoria do mangaká Tatsuya Endo, o mangá já acumula números de vendas impressionantes, mesmo para uma obra com poucos volumes lançados e antes da estreia de seu anime. Para se ter ideia do quão popular é a obra, basta dizer que o título alcançou mais de 15 milhões de cópias em circulação depois da publicação último volume. 

Para aqueles que não conhecem a obra lá vai a sinopse: Há décadas, as nações de Ostania e Westalis promovem uma guerra fria sem fim. Para investigar os movimentos do presidente de um importante partido político, Westalis mobiliza Twilight, seu melhor agente, a montar uma família falsa e se infiltrar nos eventos sociais promovidos pela escola do filho do político. Mas por um acaso do destino, Twilight acaba adotando Anya, uma jovem com poderes telepáticos, e se “casando” com Yor, uma assassina profissional! Sem saberem das identidades uns dos outros, este trio incomum vai embarcar em aventuras cheias de surpresas para garantir a paz mundial.

Retirado da Crunchyroll

Dado as devidas apresentações, é chegado o momento de tocar no pergunta feita por muitos de vocês. “O primeiro episódio da adaptação animada dos estúdios Wit Studio e Cloverworks faz jus à obra original?” E é com muito orgulho e felicidade que respondo essa questão com um sonoro “SIM, ELES CONSEGUIRAM!”

O diretor Kazuhiro Furuhashi, o design de personagens Kazuaki Shimada e os demais responsáveis envolvidos nesse projeto conseguiram capturar toda a essência da obra. E quando digo toda é TODA mesmo. Temos uma adaptação 100% fiel ao primeiro capítulo do mangá, praticamente sem cortes no material original. Só consegui perceber um, no quadro do mangá em que Loid está numa biblioteca comprando livros. Fora isso, todos os capítulos do mangá estão presentes.

Quanto aos quesitos técnicos na adaptação da Wit com a Cloverworks, podemos perceber que o episódio é fluido e com um traço bonito. Um trabalho excelente tanto do diretor quanto de todos os responsáveis envolvidos no anime. No primeiro episódio também tivemos algumas das famosas caretas da Anya. Para quem lê o mangá ou acompanha as postagens nas redes sociais, já deve ter se deparado com as caras e bocas engraçadas protagonizadas pela personagem. O anime captura perfeitamente estas expressões e executa com perfeição a voz da talentosíssima Atsumi Tanezaki. É tão fofa e adorável que combinou perfeitamente com Anya.

Resumindo, Spy x Family, ao menos em seu primeiro episódio, provou ser uma excelente adaptação beirando a perfeição. Esse novo anime além de ser facilmente aceito por aqueles que acompanham o mangá, muito provavelmente conquistará novos adeptos. Para nós fãs só resta agradecer a todos os responsáveis por entregar uma adaptação dos sonhos e torcer para que a qualidade se mantenha pelos próximos episódios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.