MB Movies: The Second is a Christian (1985)

The Second is a Christian é um dos últimos trabalhos da carreira cinematográfica da atriz Etsuko Shihomi, que nesse filme interpreta a freira Kyoko, filha de um falecido chefe da Yakuza, e herdeira do título de “segundo chefe” do Clã Tenryu, sendo disputada por dois homens bem diferentes. Também conhecemos o cruel e sádico Kuroiwa, que quer a todo custo assumir o domínio do território de Kobe, e, pra conseguir tal controle, deixará um rastro de matança que atingirá até as pessoas que Kyoko ama.

The Second is a Christian, podemos dizer, é um trabalho bem peculiar e interessante da atriz/artista marcial Etsuko Shihomi se compararmos com seus trabalhos anteriores. Aqui não temos a típica personagem que interpretou por várias vezes ao longo dos anos 70, uma artista marcial extremamente forte e habilidosa. Ao invés disso, temos uma freira inocente, frágil e que segue até o terceiro ato do filme a risca os mandamentos cristões, principalmente o versículo: “amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem”.

Também nesse filme vemos um lado tão pouco explorado dela anteriormente, que é a sua atuação para o drama. Vê-la atuar, ao invés de ser apenas a mulher que só baixa a porrada nos vilões e tem pouco diálogo. Diga-se de passagem, está excelente em todos os momentos do filme, inclusive os de comédia que irei comentar mais a frente nesta análise.

Outra coisa que gosto bastante neste filme é o fato de preservarem a Kyoko do jeito que ela é. Pois, quando é obrigada a empunhar uma espada para fazer justiça com as próprias mãos, ela não se torna de uma hora pra outra em uma máquina de combate letal e invencível. Kyoko se machuca várias vezes e seus golpes desferidos com a Katana são sem técnica nenhuma. Ela, até mesmo, erra algumas vezes até conseguir acertar seus inimigos. Felizmente, Kohei Tsuka fugiu desse clichê de personagem que se torna do nada uma mulher badass e invencível. Ponto positivo demais que o fez subir no meu conceito.

Obviamente, The Second is a Christian não é apenas um filme de drama e vingança. Começa com bastante comédia e continua assim até metade do seu segundo ato. Boa parte dos seus momentos cômicos está com o detetive desajeitado, Kumashiro, e um Yakuza despreocupado, herdeiro da família Tenryu, ambos brigam pela mão da freira Kyoko enquanto tentam adotar as crenças cristãs. Considero bem interessante, e diferente, o diretor colocar como abordagem central o cristianismo, e tendo até mesmo os membros da Yakuza querendo seguir a religião. E isso rende muitas piadas sobre as diferenças entre Yakuza, budismo e o cristianismo, e, por conta desses momentos, o filme é bem fácil de entender, mesmo que você não sendo religioso.

O elenco de apoio, apesar de não trazer nomes famosos do cinema, se sai muito bem tanto na parte da comédia quanto no drama. Etsuko Shihomi está perfeita em seu papel, sem ofuscar os outros artistas e isso é excelente.

The Second is a Christian pode acabar decepcionando as expectativas dos fãs que anseiam em ver a atriz como uma formidável artista marcial que nem em seus projetos antigos. Porém, para aqueles que buscam ver algo diferenciado da senhora Etsuko Shihomi, com mesclagem de bom humor, drama e algumas doses de violência a la Lady Snowblood, então você estará bem servido aqui com o que, pra mim, se tornou a melhor atuação dela desde Dragon Princess (1976).

Curiosidade adicionais: 

The Second is a Christian foi baseado em um mangá do dramaturgo Kohei Tsuka, lançado 4 meses antes do filme, que também teve o roteiro escrito por ele.

A trilha sonora do filme, que, diga-se de passagem, é bastante bonita, trata-se de uma canção do último disco da Etsuko Shihomi:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.