MB Review: Blue Period vol. 1

Blue Period é um mangá escrito e ilustrado por Tsubasa Yamaguchi, autor de Ela e seu Gato, também publicado no Brasil. 

O mangá conta a história de Yatora Yaguchi, um garoto que apesar de andar com delinquentes possui algumas das melhores notas da escola e é incrivelmente popular. Mesmo que aparentemente seja um gênio, Yaguchi se esforça muito nos estudos e faz de tudo para agradar seus amigos e familiares, deixando suas vontades de lado na maior parte do tempo. Mas um dia se depara com o formulário para a escolha de carreiras e assim inicia sua jornada.

Enquanto buscava seus cigarros no clube de artes, Yaguchi se depara com uma tela que o deixa hipnotizado e faz com que seus sentimentos transbordem. Isso faz com que descubra que a Universidade Pública de Belas Artes de Tóquio é absurdamente acessível quanto ao valor, ao mesmo tempo que é instigado a aprender sobre aquele mundo e sua linguagem.

No momento em que Yaguchi começa a se interessar pelas artes e aplicar toda sua rígida rotina de estudos nela, o mangá nos faz imergir na área. Neste ponto, até achei o mangá bem didático, explicando técnicas e a visão de aprimoramento. Uma das coisas que mais gostei, foi mostrar que arte não é apenas talento, mas depende muito de esforço e estudo. Yatora, mesmo sendo um grande estudioso e se dedicando absurdamente, ainda tem muito a aprender, principalmente sobre sua própria linguagem e a dos outros.

Ainda no primeiro volume somos apresentados a uma variedade de personagens. É interessante como cada um possui sua própria jornada. Nesse ponto fiquei curiosa e quero ver o desenvolvimento de um por um.

Algo muito legal do mangá são as artes de amigos da autora e as dela mesma. Aparentemente, Yamaguchi estudou na mesma universidade em que o protagonista deseja entrar.

Blue Period não é apenas um mangá sobre artes, mesmo que elas sejam a linguagem principal da obra. É também sobre amadurecimento e principalmente sobre visão pessoal de mundo. Mesmo que tenhamos diferentes experiências, compartilhamos um mundo pintado com as cores que todos nós escolhemos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.