MB Review: Terra das Gemas vol. 2

Em Terra das Gemas Volume 2, continuaremos acompanhando Fosfofilita em sua missão de completar a enciclopédia das Gemas, desta vez explorando a vasta região dos mares e os segredos que habitam nela, em busca de uma solução para ajudar Cinábrio. Confira a resenha completa.

No volume anterior, Fosfofilita (ou de maneira mais curta, Fos) acabou sendo devorado por uma espécie de lesma gigante, tendo que passar por uma operação para ser restaurado e voltar ao normal. A lesma acabou virando um pequeno ser que só consegue ser entendido por Fos e, após uma conversa com o Professor, é revelado que ela é uma Monarca das Conchas, seres que também são um tipo de minério.

A Monarca tenta ajudar Fos a buscar uma solução para ajudar Cinábrio, que vive isolado por conta do líquido tóxico que sai de seu corpo, dando a sugestão de irem para o mar para procurarem mais seres parecidos com a Monarca. Podendo achar respostas para solucionar o caso. Devido a fragilidade de Fos, seu pedido para ir ao mar foi negado, mas isso não o impede de ir.

Ao chegarem ao mar, Monarca acaba revelando sua verdadeira forma, um ser meio humanoide, semelhante as Gemas, que só se manifestam quando estão próximo ao seu lugar de origem. Ao ser questionada sobre sua origem, Monarca conta sobre os humanos que habitavam este planeta, e que devido a sexta cisão acabaram se dividindo em ‘’Alma’’, ‘’Carne’’ e ‘’Osso’. Monarca acaba revelando seu plano para resgatar seu irmão, Aculeatus, envolvendo os seres lunares e deixando Fos em perigo.

Após a resolução envolvendo os seres do mar, Fos agora precisa passar por uma reabilitação para se acostumar com suas novas pernas, que deram uma espécie de super velocidade. Mesmo perdendo parte de suas memórias, menciona ao Professor um pouco do que se lembra dos momentos que passou no mar, citando os humanos como exemplo, o que abala seu superior, dando a entender que a origem das Gemas tem alguma forte ligação com os seres humanos. 

O segundo volume continua a explorar os personagens apresentados e expande cada vez mais esse planeta, mostrando que há mais tipos de seres além das Gemas e dos Lunares e que há muitos mistérios sobre as cisões que deram origem a todo esse ecossistema. 

Terra das Gemas é uma das obras mais diferenciadas que estão sendo publicadas no momento e apesar de seu aumento logo no segundo volume, ainda continua valendo a pena por ser uma grande e grata surpresa em meio a tantos títulos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.